CIAST

CIAST

Com. Interdisciplinar de Atenção Integral a Saúde e Segurança do Trabalho

Apresentação

A Comissão Interdisciplinar de Atenção Integral a Saúde e Segurança do Trabalho (CIAST), vinculada diretamente a Reitoria, é responsável pelos serviços e organização da saúde e segurança do trabalhador na UEPB. A CIAST é composta por representantes da Reitoria, dos docentes, do pessoal técnico-administrativo e dos discentes.

A CIAST conta, ainda, com uma Equipe Multiprofissional, Interdisciplinar e Intersetorial que dá  assessoria e suporte para realização dos trabalhos da Comissão, sendo composta  por representantes das Comissões e profissionais que estejam envolvidos com saúde e segurança do trabalho.

Missão

Promover a Saúde e Segurança do Trabalhador com o comprometimento de todos os segmentos da Instituição a fim de proporcionar melhoria da qualidade de vida no trabalho

Visão

Uma Comissão Interdisciplinar reconhecida pelo gerenciamento das questões relacionadas à saúde e segurança do servidor, através de ações de prevenção, promoção e reabilitação.

Atribuições:

  • Sensibilizar os segmentos que compõem a Instituição para prevenção de acidentes e de doenças ocupacionais;
  • Promover campanhas de prevenção de acidentes e saúde no trabalho;
  • Sugerir medidas de prevenção de acidentes, por iniciativa própria, de peritos, da Equipe Multiprofissional, Interdisciplinar e Intersetorial ou ainda de outrem;
  • Promover a divulgação e zelar pela observância das normas de saúde e segurança do trabalho, de regulamentos ou instrumentos de serviço, emitidos pela Instituição;
  • Organizar cursos, treinamentos e campanhas necessários para promover a saúde e segurança, do trabalho, dos segmentos dessa Instituição;
  • Analisar causas, circunstâncias e conseqüências de acidentes e de doenças ocupacionais, acompanhando a execução das medidas corretivas;
  • Realizar por iniciativa própria, da Equipe Multiprofissional, Interdisciplinar e Intersetorial ou quando houver denúncia de risco, inspeção nas dependências da Instituição, dando conhecimento dos riscos encontrados e propondo as medidas de intervenção cabíveis à administração superior;
  • Convocar pessoas, quando necessário, para tomada de depoimentos, informações e dados ou esclarecimentos sobre acidentes, segurança, danos ou agravos à saúde do trabalhador no âmbito da Instituição ou fora dela;
  • Solicitar da administração superior, com base em laudo pericial, a implantação imediata de medidas preventivas e até a interdição de locais considerados inadequados ao trabalho dos segmentos dessa Instituição;
  • Requerer, em caráter especial e de urgência, a abertura de sindicância para apurar causas de acidentes, danos ou agravos à saúde dos segmentos dessa Instituição;